Sangue Negro

Posted: 6 de dez de 2009 by leo in Marcadores:
0

Sempre que soube da existência de Sangue Negro minha curiosidade aguçou rapidamente,primeiramente Daniel Day Lewis é um dos atores mais poderosos emocionalmente,segundamente (rs) e mais importante fator Paul Thomas Anderson,diretor mais gênio da atualidade,mente atrás das obras de arte em forma de película Boogie Nights,Magnólia e Embriagado de Amor.
O filme se trata da trajetória de Daniel Plainview,um verdadeiro caçador e pioneiro da indústria do petróleo.
Nas 2 horas de 33 minutos de filme vemos diversas descobertas e até aonde Daniel é capaz de chegar pelo seu objetivo,resumindo Daniel num adjetivo possivelmente seria um déspota e daqueles da pior espécia.
O filme nos leva e nos prende interessantemente,o filme é lento (e sua lentidão é um dos fatores mais inteligentes) de propósito,até porque em 1 hora e 40 não iríamos ver a obra que vimos,e o mais legal que o filme é lento do começo ao fim e mesmo com sua lentidão não dá a mínima vontade de largar o filme.
O roteiro e direção trabalham em perfeita harmonia,o espetacular Paul Thomas Anderson é de uma segurança tão incrível,vemos sua maca forte de nos aproximar o mais perto possível das cenas que nos dá a impressão que estamos testemunhando tudo aquilo de perto.
A fotografia do filme é de tamanha perfeição que qualquer cena em que se dá um stop parece que vemos uma fotografia de um editorial de Steven Meisel.
A trilha sonora é de fazer qualquer um babar,levantar e bater palmas,uma outra obra à parte.
Daniel Day Lewis tem somente a melhor atuação do século,atuação é puro poder,simplesmente o que nós vemos é um espírito glorioso encorporado naquele bendito corpo,também temos um Paul Dano pra ninguém botar defeito mesmo nas cenas mais poderosas de Daniel Day Lewis (na igreja e a cena final) Paul Dano não se deixa ofuscar por tamanhã explosão de genialidade que é Daniel Day Lewis e novamente vemos que o Oscar caga e anda pra melhor filme do ano,um ano com Sangue Negro,Desejo e Reparação e Juno,Onde os fracos não tem vez (bom filme também) vence pelamadrugada!E Paul Dano é simplesmente esnobado pela porra da Academia.
Por fim um espetáculo,uma obra que deve ser apreciada segundo à segundo.

Nota:10/10

Sangue Negro (There Will Be Blood,2007)
Diretor:Paul Thomas Anderson
Roteiro:Paul Thomas Anderson
Elenco:Daniel Day Lewis,Paul Dano,Dillon Freasier,Ciáran Hinds

0 comentários: