A Árvore

Posted: 22 de jan de 2011 by leo in Marcadores:
8


Um casal vive feliz com os seus quatro filhos,até que a morte do pai deixa a família devastada.Cada um deles busca sobreviver ao seu modo,Simone de apenas 8 anos,se recusa a ficar de luto e prefere subir regularmente na figueira do jardim.Ela fica horas no local,sentindo a presença do pai na árvore.Dawn,sua mãe acompanha a afeição crescente da filha pela árvora,ao mesmo tempo aos poucos,retorna sua vida normal.

O filme se trata da tentativa de Dawn se reerguer após a morte de Peter e inicialmente o roteiro trata essa questão de forma nítida e sem muitos nuances e sem correr riscos de grandes erros,mas nunca saindo da zona de conforto,sempre correto,sem desfocar do assunto e não caindo em armadilhas de focar veemente no luto de Dawn e se confundir na própria narrativa,mas no meado do filme certos pontos se tornam um pouco incômodos,como o comportamento irritante de Simone e o fluir forçado da relação de Dawn e George,e o que dizer da árvore extremamente temperamental,momento absurdo e bastante risível,mas que pra felicidade não incômoda no decorrer do filme.

Assim como o roteiro,a direção de Julie Bertucceli é simples e não tomar partido pra tomar grandes riscos,mas Bertucceli se sobressai nos momentos finais do filme,principalmente,o momento em que O´Neill se depara com o estrago do furacão.Tecnicamente,a trilha sonora é clichê e grudenta em boa parte e a simplicidade da fotografia de Nigel Bluck é gratificante.
As atuações de Charlotte Gainsbourg e Morgana Davies são boas,mas funcionam muito melhor juntas,a naturalidade e a cumplicidade quando estão juntas é belíssima.

Por fim,o filme tem um início bastante sólido,um meado muitíssimo irregular e um bom e maduro desfecho,um pouco parado,mas nada que atrapalhe muito o bom andamento da trama,recomendo.


Nota:8/10

Sinopse Retirada do Site Adoro Cinema

A Árvore (The Tree,2010)
Diretor:Julie Bertucceli
Roteiro:Julie Bertucceli,Elizabeth J.Mars
Elenco:Charlotte Gainsbourg,Morgana Davies,Marton Csokas,Christian Byers,Tom Russell,Gabriel Gotting,Aden Young

8 comentários:

  1. Boa dica. Fiquei instigado.

    Valeu pela sugestão.

  1. Não me deixou tão afim de conferir, mas quem sabe numa hora eu não tento? rs

    ...
    []s

  1. Vou ver em breve, pois aprecio demais os trabalhos de Charlotte Gainsbourg.

  1. Smurfet says:

    Ola,
    Sou do blog Smurfet, estou a procura de parceiros e também formando uma equipe de críticos para o blog.
    Caso se interesse é só entrar em contato.
    De qualquer forma, siga e acompanhe nosso blog.

    www.minismurfet.blogspot.com

  1. ja me falaram super bem desse filme... quero ver

    http://filme-do-dia.blogspot.com/

  1. Weiner says:

    Estou pra conferir este filme, mas com a safra imensa de candidatos ao Oscar ainda inéditos, acabo adiando a sessão. Me parece recompensador em alguns sentidos, maniqueista em outros. Vou acreditar em sua recomendação, e dar uma chance o mais depressa que puder.

  1. Wally says:

    Opiniões divididas sobre este filme... o que sempre desperta curiosidade. E ainda tem Gainsbourg, que amo!

  1. Li opiniões divididas sobre a produção. A sua deu uma animada a mais. ;)